Blog do Eliomar

Últimos posts

Petrobras vai reduzir preço da gasolina e do diesel nas refinarias

A Petrobras anunciou hoje (16), no Rio de Janeiro, que a partir da zero hora desta sexta-feira, reduzirá os preços da gasolina e do diesel nas refinarias em todo o país. Segundo nota divulgada pela empresa, o diesel terá redução de 1,3%, enquanto a gasolina cairá 0,38%.

No sobe e desce dos preços dos dois produtos nas refinarias, em sintonia com a nova política da estatal de acompanhar as oscilações dos preços das duas commodities no mercado internacional – onde os aumentos e redução são quase que diários – esta é a sexta queda de preços anunciada pela Petrobras somente este mês para o óleo diesel.

Desde o último dia 1º, o diesel cobrado nas refinarias fecha os primeiros 17 dias do mês com queda acumulada de preços de 1,3%. Com quatro reduções e sete altas desde o último dia 1º, a gasolina, com a queda anunciada para amanhã, fecha o mesmo período com alta acumulada de 3,7% nas refinarias.

(Agência Brasil)

Camilo Santana – Entre um presídio e uma escola

O governador Camilo Santana (PT) cumprirá, nesta tarde de quinta-feira, agenda de inaugurações.

Às 15 horas, em Itaitinga (Região Metropolitana de Fortaleza), ele vai entregar a Unidade Prisional Professor José Sobreira de Amorim.

Em seguida, às 17 horas, no município de Canindé, o governador vai inaugurar a Escola Estadual de Educação Profissional (EEEP) José Vidal Alvez.

Dilma rotula Jair Bolsonaro de líder da extrema direita do Brasil

A ex-presidente Dilma Rousseff voltou a dizer ter sido vítima de um golpe parlamentar e traçou um rápido panorama sobre as eleições de 2018. Foi durante palestra na Alemanha, nesta semana. Ela apontou Lula como favorito na disputa 2018, mas fez referência – sem citar o nome – ao deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ). A informação é da revista Época.

“A extrema-direita no Brasil é liderada por aquele deputado [Bolsonaro] que, em abril de 2017 [foi em 2016], votou pelo meu impeachment homenageando a ditadura militar, a tortura e o torturador que me levou ao pavor”, numa alusão ao general Carlos Alberto Brilhante Ustra.

Ustra foi o comandante do DOI-Codi do Exército em São Paulo durante o governo militar. Ele morreu em outubro de 2015.

Os liberais de Jair Bolsonaro

156 1

Com o título “Os liberais de Bolsonaro”, eis artigo do jornalista Plínio Bortolotti, que pode ser conferido no O POVO desta quinta-feira. “Não vou afirmar que os liberais sejam sempre adeptos de ditaduras, por injusto. Mas pode ser dito que, para os liberais, o bem maior é a liberdade do mercado, depois vem o resto”, diz o articulista. Confira:

Semana passada, com o artigo “À procura de um personagem”, falei da dificuldade da elite em lançar um candidato para representá-la nas eleições presidenciais de 2018, vistas as dificuldades de seus escolhidos de sempre. Destaquei dois personagens em fase de teste: primeiro, Henrique Meirelles; depois, um rostinho novo em política, Luciano Huck.

Mas esqueci que à elite financeira e empresarial faltam escrúpulos quando se trata de defender seus interesses. Pois a manchete de primeira página da Folha de S. Paulo veio lembrar-me: “Mercado já vê Bolsonaro como opção contra Lula” (12/11/2017).

Misógino, racista, homofóbico, preconceituoso, amante da ditadura, defensor da tortura. Não importa. Desde que abraçou a agenda “liberal”, Bolsonaro tornou-se imediatamente “opção” se Meirelles, a primeira escolha, ficar pelo caminho.

Para esse tipo de gente – que também via com “bons olhos” a ditadura de Pinochet -, pois implementava a política liberal com seus “Chicago Boys”, a liberdade humana pode ser oferecida em holocausto ao deus-mercado. Nisso equipara-se ao seu antípoda, o “socialismo realmente existente”, exigindo sacrifícios e morte no presente, para alcançar um suposto benefício no futuro (que a propósito nunca chega).

Em artigo no mesmo jornal (9/11/2017), a economista Laura Carvalho se lembra de Friedrich Von Hayek, “o avô do neoliberalismo”, defendendo a ditadura de Pinochet, no Chile, como “transição necessária para reverter excessos de regulação do passado”. Segundo ela, Milton Friedman, outro herói dos liberais, considerava o regime necessário como “caminho para a liberdade verdadeira”.

Não vou afirmar que os liberais sejam sempre adeptos de ditaduras, por injusto. Mas pode ser dito que, para os liberais, o bem maior é a liberdade do mercado, depois vem o resto.

Portanto, não é espantoso ver “liberais” brasileiros, que vivem dependurados no Estado, apoiando um aspirante a ditador. Devem estar com aquele pensamento fixo: “O que é bom para os Estados Unidos, é bom para o Brasil”. Se eles elegeram Trump, por que não eleger Bolsonaro?

Plínio Bortolotti

plinio@opovo.com.br Jornalista do O POVO

MPF pede à Justiça o bloqueio de R$ 24 milhões em bens e valores de Lula e do seu filho caçula

O bloqueio de R$ 24 milhões em bens e valores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do seu filho caçula, Luís Cláudio está sendo pedido à Justiça pelo Ministério Público Federal de Brasília. O valor de bloqueio solicitado para Lula é de R$ 21,4 milhões e o do filho, Luís Cláudio, de R$ 2,5 milhões. A informação é do Portal G1.

O pedido do MP foi feito dentro de uma ação da Operação Zelotes em que Lula e o filho são réus. Lula é acusado de editar uma medida provisória para favorecer empresas do setor automotivo em troca de recebimento de propina. Já Luís Cláudio era ligado às empresas, de acordo com apurações da polícia.

Lula e o filho são investigados também por suspeita de favorecimento a um grupo sueco nas negociações que levaram à compra pelo governo brasileiro de 36 caças do modelo Gripen.

ZPE do Ceará vai reservar área para pequenas e microempresas

Na próxima segunda-feira, 20, o Sebrae vai visitar o espaço destinado, dentro da Zona de Processamento de Exportação do Ceará (ZPE), no Pecém, em São Gonçalo do Amarante (RMF), às micros e pequenas empresas. Além disso, a cúpula do  órgão vai conhecer os detalhes, as regras e condições que vão nortear a implantação das empresas na ZPE.

A informação é do diretor técnico do Sebrae-CE, Alci Porto, adiantando que o secretário para Assuntos Internacionais do Ceará, Antonio Balhmann, deverá mostrar como pode se dar a instalação de negócios de pequeno porte, voltados para exportação. Um termo ou protocolo de cooperação deverá ser firmado para que o Sebrae atue junto aos micros e pequenos empresários. Alci Porto diz que a visita contará com um grupo de dirigentes do Sebrae no Nordeste que vêm conhecer a experiência da ZPE cearense.

O presidente da ZPE-CE, Mário Lima Júnior, informa que existe uma área reservada para essas empresas com potencial exportador não só na parte de manufaturados mas na de serviços. Hoje apenas indústrias podem se instalar nas ZPEs, mas, se for aprovado o projeto 5957/13, que tramita no Congresso Nacional, empresas do ramo de serviços também poderão se instalar. No setor de telemarketing, por exemplo, há muitas empresas que contratam serviços em outros países.

De acordo com Mário, inicialmente estão previstos para as micros e pequenas empresas, quatro hectares (ha) com galpões modulares de 500 e 1.000 metros quadrados (m²), na ZPE-CE. Explica que a área está dentro da primeira expansão do local, que está sendo implantada. Num total de 150 ha ela também será alfandegada, com despacho aduaneiro e todas os itens que compõem uma ZPE.

(Com O POVO – Repórter Artumira Dutra)

Sobral – Aprovados em concurso para professor devem se apresentar até sexta-feira

Os candidatos aprovados no concurso público para professor efetivo do Sistema Municipal de Ensino (edital nº 01/2016) da Prefeitura de Sobral (Zona Norte) têm até esta sexta-feira (17) para comparecer à Secretaria Municipal da Educação. Ali, deverão assinar o termo de aceite da vaga.

Foram convocados 207 candidatos aprovados nos cargos de professor da educação infantil e ensino fundamental inicial (170 candidatos), professor de ensino fundamental final – Matemática (23 aprovados) e para professor de ensino fundamental final – Língua Estrangeira – Inglês (14 aprovados).

SERVIÇO

*Veja a lista de exames solicitados AQUI https://goo.gl/5wPNgq

*Mais Informações – (88) 3677-1192.

Governo libera Garantia-Safra para agricultores do Ceará

Saiu, no Diário Oficial da União desta quinta-feira, portaria da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário autorizando o pagamento do Seguro Garantia-Safra para os beneficiados do Ceará e de Minas Gerais.

Os benefícios, relativos às safras 2015/2016 e 2016/2017 serão liberados, neste mês, para agricultores que aderiram ao programa e que tiveram perda superior a 50% da safra por conta da estiagem.

O calendário do desembolso é liberado pela Caixa Econômica Federal. Já o pagamento vem ocorrendo em cinco parcelas num total de R$ 850,00, com cada uma liberada sendo de R$ 170.

No Ceará, vão receber o Seguro Garantia-Safra os agricultores já inscritos dos seguintes municípios:

(Foto – O POVO)

Artur Virgílio – “Alckmin não pode presidir o partido e ser ao mesmo tempo candidato”

O prefeito de Manaus (AM), Arthur Virgílio Neto, é contra um eventual acordo de cúpula para eleger o governador Geraldo Alckmin (SP) presidente do partido, na convenção marcada para 9 de dezembro. A proposta é defendida pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e está sendo costurada pelos dirigentes tucanos. Para Virgílio, o acordo não tem “lógica” e reforça a imagem de partido de elite do PSDB, afastando-o ainda mais do povo. A informação é do jornal Valor Econômico.

Arthur explica: o senador Tasso Jereissati (CE) foi afastado da presidência do PSDB para que a disputa pelo cargo entre ele e o governador Marconi Perillo (GO) se desse em condições de igualdade. Isonomia foi a justificativa dada pelo senador Aécio Neves (MG) para retomar o cargo, antes de se licenciar novamente e indicar para a função o ex-governador de São Paulo Alerto Goldman. Se o acordo vingar e Alckmin for eleito para o lugar de Aécio, ele, Alckmin, presidirá no cargo a prévia que o partido planeja fazer em fevereiro para indicar seu candidato ao Palácio do Planalto em 2018.

“Se a lógica para tirar o Tasso foi que ele era candidato a presidir o PSDB, por uma questão de isonomia, então o Alckmin não pode presidir o partido e ser ao mesmo tempo candidato na prévia”, Virgílio. “Eu estou [na prévia], o Doria pode estar [João, prefeito de São Paulo]. Eu não vou desistir e a disputa tem que ser em condições de igualdade”. Se a cúpula der pra trás [nas prévias], Virgílio diz que vai levar a decisão para a convenção, disse. O prefeito de Manaus complementou:

“Duvido que não queiram a prévia”. O prefeito ataca com palavras duras a possibilidade de Alckmin ficar nas duas posições: “Alckmin presidente [do PSDB} não tem condições morais de ser o candidato à Presidência da República”.

 

Cooperados do Hospital do Coração protestam contra atraso nos salários

Cooperados do Hospital do Coração de Messejana realizam, com o apoio do Sindsaúde, paralisação desde o início da manhã desta quinta-feira. Eles protestam contra os salários atrasados.

Na unidade, segundo a categoria, também faltam materiais de trabalho, o que tem prejudicado os atendimentos.

A Secretaria da Saúde do Estado ainda não se manifestou a respeito do caso.

(Foto – WhatsApp do Sindsaude)

Filme sobre travesti Dandara vai estrear no Festival Mix Brasil

Um filme realizado pelo jornal Estado de Minas e a Mult vai contar o caso do assassinato da travesti cearense Dandara Kataryne, de 42 anos. Ela foi espancada, torturada e morta em fevereiro deste ano por cinco homens, no bairro Bom Jardim, em Fortaleza. O vídeo com as cenas das agressões brutais sofridas pela travesti circularam pelas redes sociais e aplicativos de mensagens no Brasil revelando o horror da transfobia.

Gravado na capital cearense, o curta-metragem Dandara revela onde a travesti nasceu, viveu, trabalhou e foi assassinada. A produção se propõe a expor um retrato humano de Dandara por meio de depoimentos de familiares e pessoas que conviveram com ela. A direção é de Flávia Ayer e Fred Bottrel.

A estreia de Dandara, com duração de 14 minutos, ocorrerá no Festival Mix Brasil em duas sessões, que acontece até o dia 26 deste mês, em duas sessões no Centro Cultural São Paulo: domingo (19), às 15h30min, e terça-feira (21), às 19h30min.

SERVIÇO

*Confira integra da matéria e trailer do filme aqui.

Inflação pelo Índice Geral de Preços cai de 0,49% para 0,24%

O Índice Geral de Preços–10 (IGP-10) teve uma inflação de 0,24% em novembro em todo o país. A taxa é inferior ao percentual de outubro (0,49%), mas superior ao de novembro do ano passado (0,06%). Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), o IGP-10 acumula deflações (quedas de preços) de 1,31% no ano e de 1,11% no período de 12 meses.

Os preços no atacado, medidos pelo Índice de Preços ao Produtor Amplo, tiveram inflação de 0,21% em novembro, enquanto os preços no varejo, apurados pelo Índice de Preços ao Consumidor, acusaram taxa de 0,32% no mês. O terceiro subíndice que compõe o IGP-10, o Índice Nacional de Custo da Construção, registrou inflação de 0,30%.

O IGP-10 é calculado com base em preços coletados entre os dias 11 do mês anterior e 10 do mês de referência.

(Agência Brasil)

Se reeleito, Camilo Santana será muito menos devedor dos Ferreira Gomes do que é hoje?

Com o título “Novo momento”, eis um tópico da Coluna Política do O POVO desta quinta-feira, assinada pelo jornalista Érico Firmo:

Se Camilo for mesmo reeleito, será muito menos devedor de seus padrinhos do que é hoje. Terá sido resultado de uma articulação política que ele comanda. A própria participação de Cid e Ciro Gomes na campanha será outra. Em 2014, eles puxavam o desconhecido Camilo. Hoje, o governador está no cargo e precisa ser o protagonista. Importa menos quem o apoia e mais o que ele fez. A própria reeleição de Roberto Cláudio (PDT), em Fortaleza, mostrou isso. No segundo mandato, percebe-se o prefeito muito mais altivo, autônomo.

Vale lembrar que Camilo foi eleito numa disputa ferrenha com Eunício Oliveira. Até o dia do primeiro turno, ele aparecia atrás nas pesquisas. Com chance de ser derrotado sem nem ir ao segundo turno. Mas, a urna trouxe surpresa.

No caso de Camilo ter uma reeleição, costurada por ele, mais tranquila que a eleição, ainda mais fortalecido ele fica. Há, claro, muitas variáveis. Tudo indica que Zezinho Albuquerque (PDT) será o candidato a vice. Em caso de segundo mandato, terá um poderoso e articulado aliado dos ferreira Gomes ao seu lado. Cid Gomes concorrerá a senador e dificilmente não será eleito. Será interlocutor importante em Brasília. Não é muito provável, mas Ciro poderá virar ministro, a depender do governo eleito e da aliança formada. Menos provável ainda é que seja eleito presidente, mas é possível. Nesse caso, a relação muda muito.

Porém, afora influência do contexto nacional, a tendência de um segundo governo é de mais autonomia em relação aos Ferreira Gomes.

(Fotos – Evilázio Bezerra e RussasNews)

Receita está pagando o sexto lote de restituições do IR

A Receita Federal paga hoje (16) o sexto lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2017. O lote contempla 2.358.433 contribuintes, totalizando mais de R$ 2,8 bilhões. O lote multiexercício inclui restituições residuais do período de 2008 a 2016. O crédito bancário chega a R$ 3 bilhões. Desse total, R$ 107,844 milhões referem-se aos contribuintes com prioridade: 26.209 idosos e 3.354 pessoas com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na internet, ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante a entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza ainda aplicativo para tablets e smartphones, que facilita a consulta às declarações do IR e à situação cadastral no CPF.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá fazer requerimento pela internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da Declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física.

(Agência Brasil)

Natal vai aquecer vendas do comércio de Fortaleza

A Federação do Comércio do Ceará vai divulgar, na próxima semana, pesquisa sobre a intenção de compras do consumidor fortalezense para o Natal. A informação é do presidente da entidade, Luiz Gastão, adiantando que os dados estão sendo finalizados pelo instituto de pesquisas da Fecomércio.

Preliminarmente, Gastão adianta que os setores de confecção, alimentos e bebidas devem repetir o comportamento do período dos últimos anos. Ou seja, estarão liderando a preferência do consumidor.

Gastão não quis arriscar percentuais sobre incremento nas vendas natalinas, mas garante que, neste ano, por conta dos sinais de recuperação da economia, o Papai Noel não será de saco vazio.

Casamento gay deve ser aprovado na Austrália

Os australianos votaram majoritariamente a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo, abrindo caminho para a aprovação de uma lei até o fim deste ano. A decisão foi comemorada nessa quarta-feira (15) pela comunidade gay, com pessoas usando vestidos de casamento e ternos com lantejoulas e declarando “nosso amor é verdadeiro”.

A Austrália se tornará a 26ª nação a formalizar esse tipo de união se a legislação for aprovada no Parlamento,. A decisão é esperada, apesar de algumas manifestações contrárias da ala conservadora do governo.

Milhares de pessoas reunidas em um parque de Sydney se abraçaram e choraram quando o estatístico-chefe do país revelou, ao vivo em um telão, que 61,6% dos eleitores consultados aprovaram a igualdade de matrimônio e que 38,4% se manifestaram contrários à medida.

Ian Thorpe, nadador olímpico australiano que assumiu ser gay há três anos, disse que o resultado foi um grande alívio. “Significa que o que você sente por outra pessoa, quem quer que seja, é igual”, disse Thorpe aos repórteres durante as comemorações em Sydney.

A votação voluntária não tem aplicação obrigatória, mas o primeiro-ministro Malcolm Turnbull disse imediatamente que cumprirá a promessa de apresentar um projeto de lei ao Parlamento, com o objetivo de aprovar a lei até o Natal.

Turnbull minimizou o temor de uma divisão em seu governo de coalizão, em reação à iniciativa, devido ao fato de a facção conservadora estar pressionando por emendas para proteger liberdades religiosas que discriminam casais homossexuais.

“É inequívoco, é esmagador. Eles falaram aos milhões e votaram majoritariamente no sim pela igualdade de matrimônio”, afirmou Turnbull aos repórteres em Canberra, após o anúncio dos resultados.”Eles votaram sim pela justiça, sim pelo comprometimento, sim pelo amor”.

Um projeto de lei de igualdade matrimonial foi apresentado ao Parlamento no fim dessa quarta-feira (pelo horário local). O resultado simboliza um divisor de águas para os direitos gays na Austrália, onde o envolvimento em atividades homossexuais era ilegal em alguns estados até 1997.

Quase 80% dos eleitores registrados participaram da sondagem – um comparecimento maior do que o do Brexit, como é conhecido o processo de separação do Reino Unido da União Europeia, e do que o do referendo sobre casamento homossexual da Irlanda.

“Gostei de ver, Austrália”, tuitou a apresentadora norte-americana Ellen DeGeneres, que é casada com a atriz australiana Portia de Rossi, nos Estados Unidos.

(Agência Brasil)

Governo e Fiec estão mais do que entrosados

Da Coluna Vertical, do O POVO desta quinta-feira:

Já tem data o tradicional almoço de fim de ano da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec) para o governador Camilo Santana (PT). Será dia 8 de dezembro, na Casa da Indústria. Este é o terceiro ano do evento, no qual a Fiec junta o setor produtivo e o poder público em um congraçamento e balanço de ações.

Nesse encontro, Camilo deve falar das perspectivas da economia cearense com a chegada dos hubs aéreo, marítimo e tecnológico. Já Beto Studart, pela Fiec, vai lembrar o programa Rotas Estratégicas, entregue pela entidade ao governador, que pensa o Estado para os próximos anos.

Aliás, antes do dia 8, Camilo ainda terá duas outras agendas com a Fiec: uma delas é nesta quinta, por ocasião da abertura, no Museu da Indústria, da exposição “Carnaúba – A árvore da vida”, que conta um pouco da saga da família Johnson no Ceará. A outra é dia 27 próximo, quando o petista estará na Federação em seminário sobre incentivos fiscais destinados a projetos sociais.

Pelo que se vê, Beto desistiu da disputa eleitoral, mas continua bem próximo do governador.

Em palestra nos EUA, FHC chama Bolsonaro de “bizarro” e diz que Lula perdeu a credibilidade

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso comentou, durante palestra na Universidade Columbia, em Nova York, nessa terça-feira, a atual situação política do Brasil e definiu como “bizarro” o pré-candidato à Presidência pelo PSC, Jair Bolsonaro.

Segundo ele, a “mídia dá mais espaço para os que são bizarros”, mas “precisamos de alguém que não seja bizarro, que fale com as pessoas”. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

Ainda sobre as eleições de 2018, FHC comentou que “um líder populista pode aparecer de novo”, “mas o único capaz de entusiasmar dessa forma as pessoas perdeu enorme credibilidade”, fazendo uma alusão a Lula.

— Precisamos de um líder capaz de organizar a situação e nos dar a sensação de que estamos juntos, alguém capaz de expressar emoções, não ideias — disse FHC. — O próximo líder que surgir terá de ser alguém que nos faça mover adiante, alguém capaz de confrontar realidades.

Ministro dos Transportes da Era FHC é cotado para lugar de Imbassay na Secretaria de Governo

O nome do ex-ministro de Transportes João Henrique de Almeida Sousa, hoje na presidência do Conselho Nacional do Sesi, começou a circular como possível substituto de Antonio Imbassahy (PSDB) na Secretaria de Governo. Segundo a Coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta quinta-feira, ele é da executiva do PMDB e foi deputado pelo Piauí.

As mudanças no primeiro escalão do governo devem ficar restritas às pastas de tucanos.

O chanceler Aloysio Nunes (Relações Exteriores) não deve entrar na reforma – com o consenso e o aval da base aliada.