Blog do Eliomar

Últimos posts

Mulher sofre agressão de cinco homens na Praia do Futuro

136 1

Cinco homens agrediram uma mulher, de 28 anos, nessa noite de segunda-feira, na Praia do Futuro, em Fortaleza.

Ela foi socorrida por uma ambulância do SAMU e levada para a UPA desse mesmo bairro, e não teve a identidade revelada. A mulher agora está internada no Instituto Dr. José Frota (Centro). Foi transferida durante a madrugada.

Os suspeitos da agressão não foram localizados ainda pela Polícia Militar, que chegou a fazer buscas na área.

Ainda não se sabe o que levou esse grupo a agredir essa mulher.

Arcebispo de Belo Horizonte é o novo presidente da CNBB

229 2

O arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, foi eleito, na tarde desta segunda-feira, em Aparecida (SP), o novo presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Cumprirá mandato de quatro anos à frente da entidade.

Dom Walmor é doutor em Teologia Bíblica pela Pontifícia Universidade Gregoriana (Roma, Itália) e mestre em Ciências Bíblicas pelo Pontifício Instituto Bíblico (Roma, Itália). Cursou Filosofia no Seminário Arquidiocesano Santo Antônio (1972-1973), em Juiz de Fora (MG), e na Faculdade Dom Bosco de Filosofia, Ciências e Letras (1974-1975), em São João Del-Rei (MG). De 1974 a 1977, cursou Teologia no Seminário Arquidiocesano Santo Antônio, em Juiz de Fora.

Em 1977, após ser ordenado sacerdote, incardinou-se na Arquidiocese de Juiz de Fora. Foi pároco da Paróquia Nossa Senhora da Conceição de Benfica (1986-1995) e da Paróquia do Bom Pastor (1996-1998); coordenador da Região Pastoral Nossa Senhora de Lourdes (1988-1989); coordenador Arquidiocesano da Pastoral Vocacional (1978-1984) e reitor do Seminário Arquidiocesano Santo Antônio (1989-1997).

No campo acadêmico, lecionou nas disciplinas Ciências Bíblicas, Teologia e Lógica II; coordenou os cursos de Filosofia e Teologia. Em Belo Horizonte, foi professor da PUC-Minas (1986-1990). Também lecionou no mestrado em Teologia da PUC-Rio (1992, 1994 e 1995).

(Com Estado de Mimas)

Azul fará a rota Fortaleza-Juazeiro do Norte em junho e julho

A Azul Linhas Aéreas fará a rota Fortaleza-Juazeiro do Norte. A novidade surgiu após essa empresa fechar negociação com a Secretaria do Turismo do Ceará. O anúncio foi feito pela assessoria de imprensa da Setur nesta segunda-feira.

Pelo acordo, a Azul vai disponibilizar o trecho Fortaleza-Juazeiro do Norte durante os meses de junho e julho. Em junho, serão quatro frequências semanais e em julho, a princípio, uma vez por semana, o que pode aumentar dependendo da demanda.

O voo, de acordo com a Setur, será feito com aeronave A320 e as vendas terão início já a partir desta segunda-feira (6). Os voos atenderão a demanda das festas juninas e da alta estação, adianta a Secretaria do Turismo do Estado.

Frequências

Em junho próximo, o voo, ao preço de R$ 700, decolará 1h20min e aterrissará em Juazeiro do Norte às 2h25min. O retorno ocorrerá às 5 horas e pousará em Fortaleza às 6h05min. Em julho, a decolagem serás às 15h15min e pouso às 16h20min na terra do “Padim Ciço”. O retorno para Fortaleza será às 17 horas e o retorno às 18h05min.

(Foto – Arquivo)

Vítima de câncer, morre o vereador Luciram Girão

Morreu, nesta segunda-feira, Luciram Girão (68), vereador do PDT de Fortaleza. Ele lutava contra um câncer há alguns meses, segundo familiares.

O velório ocorrerá a partir da meia-noite, na sede da Câmara Municipal, com missa de corpo presente, no mesmo local, a partir das 9 horas desta terça-feira. Após isso, o corpo será levado para a cidade de Maranguape, onde ocorrerá o sepultamento. Ele era maranguapense.

A Mesa Diretora do Poder decretou luto de três dias.

Luciram era irmão do deputado estadual Lucílvio Girão. Eleito em 2016 com 8.239 votos, Luciram estava no quarto mandato. Era formado em Direito, Administração e História.

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Antonio Henrique, emitiu nota de pesar. Confira:

Estamos todos nós, que compomos a Câmara Municipal de Fortaleza, solidários com o sentimento de pesar e de dor dos familiares e amigos do nosso vereador Luciram Girão.

Luciram sempre atuou defendendo os interesses da população e será lembrado pela sua bela trajetória em defesa dos que mais precisam.

Pedimos a nosso bom Deus que conforte a família e amigos neste momento de dor.

(Foto – CMfor)

Por uma agenda política que apoie os pequenos negócios

Com o título “Ngócios locais”, eis artigo de Joaquim Cartaxo, superintendente estadual do Sebrae. Ele defende a tese de que o “fortalecimento da economia local requer a realização da agenda política que apoia os pequenos negócios.” Confira:

Administrar um município não é uma tarefa fácil. Diariamente, o gestor toma decisões com impacto direto na vida das pessoas. Mas administrar é mais que resolver problemas. É pensar soluções e algumas delas passam pelo fortalecimento da economia local. A economia local fortalecida se traduz em geração de emprego e renda para a população e receita pública para a administração municipal, aumentando a capacidade da mesma investir em ações e projetos relevantes para a cidade.

O fortalecimento da economia local requer a realização da agenda política que apoia os pequenos negócios. Estes respondem por mais de 90% das empresas instaladas em qualquer dos municípios brasileiros; garantem que os empregos e a renda fiquem no próprio território onde estão inseridos; possuem relação direta com a comunidade que atendem.

Sublinhe-se que a integração entre o social, o econômico e o ambiental (cultura e natureza) é a matriz do desenvolvimento sustentável. Desta forma, tão importante quanto os gestores públicos municipais desenvolverem ações na área da saúde, educação, assistência social e infraestrutura, por exemplo, é priorizarem também ações de dinamização desta economia local. Ações como estímulo à formalização, desburocratização de processos para a abertura e fechamento de empresas, acesso ao crédito facilitado, realização de programa de compras pelos setores público e privado que priorize as micro e pequenas empresas.

Desenvolve-se no Ceará, ações bem sucedidas relativas a essa modalidade de compras, bem como outras iniciativas voltadas para o estímulo ao surgimento, desenvolvimento e aumento da competitividade dos pequenos negócios. Grande parte dos casos foram reconhecidos por meio do prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, que este ano alcançou a X edição. Além disso, o Sebrae realiza iniciativas que podem ajudar os municípios na execução de políticas públicas de apoio aos pequenos negócios, por meio da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa (MPE) e da RedeSimples que prevê a criação do Fórum da MPE e da Sala do Empreendedor.

*Joaquim Cartaxo,

Superintendente do Sebrae do Ceará.

(Foto – Sebrae/CE)

Eleições na UFC – Consulta ocorrerá na próxima quarta-feira

Será nesta quarta-feira, 8, a consulta para reitor da Universidade Federal do Ceará. Docentes, alunos e servidores vão às urnas.

No páreo, Antonio Gomes, atual pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UFC, Custódio Almeida, atual vice-reitor da UFC, e Cândido Albuquerque, atual diretor da Faculdade de Direito. A lista tríplice será encaminhada ao presidente Jair Bolsonaro para que ele escolha um dos nomes.

Conforme o presidente da comissão eleitoral central da UFC, Haroldo César, a escolha do reitor ocorre dessa forma há pelo menos 20 anos. A votação realizada não é paritária, tendo proporcionalmente docentes 70% do peso no cálculo final e os demais consultados 15%. “Se nós considerarmos o número de alunos da instituição, a participação é pequena”, destaca. O voto não é obrigatório para nenhuma das categorias consultadas.

O Coselho Univerisitário (Consuni) vai se reunir no dia 20 de maio para elaboração da lista tríplice

Haroldo pontua que, historicamente, o reitor escolhido pela presidência é o que figura como primeiro na lista tríplice. Já houve casos, porém, em que o presidente não obedeceu a lista. O atual reitor, Henry Campos, termina seu mandato no dia 6 de agosto, devendo tomar posse o reitor eleito logo após.

O processo de consulta à comunidade universitária é regido pela Portaria nº 01, de 3 de abril de 2019, aprovada pela comissão eleitoral. De acordo com o documento, a propaganda dos candidatos será permitida até 48 horas antes do início da realização da consulta em todas as unidades acadêmicas da UFC.

Antonio Gomes, Cândido Albuquerque e Custódio Almeida prosseguem neta reta final da campanha, apregoando suas metas para a Instituição.

(Fotos – Divulgação)

Instituto Revoar promove palestras no Shopping Benfica

Elaine de Tomy, psicanalista, está na programação.

O Instituto Revoar, braço social do Grupo Memorial, vai realizar, durante todo este mês de maio, uma série de atividades em vários pontos de Fortaleza. O Shopping Benfica está entre os espaços que acolherão as atividades da ONG, com dois eventos acertados para os dias 7 e 21, a partir das 15 horas.

No dia 7, uma palestra abordará o tema “Fortalecer Vínculos Familiares”, sendo ministrada pela psicanalista Elaine de Tomy. Ela abordará discussões sobre os comportamentos que estão sendo instituídos no lar.

Na palestra do dia 21, a temática será voltada para a mulher. “Aprendendo a ser mãe, reaprendendo a ser mulher” vai sr abordado pela psicanalista Elaine de Tomy, que irá discorrer sobre a problemática acerca do universo feminino e suas identidades múltiplas.

DETALHE – O Instituto Revoar vem investindo no bem-estar emocional das pessoas. Hoje oferece serviços de acompanhamento e reintegração de pessoas enlutadas à sociedade.

Receita Federal vai fiscalizar 7 mil contribuintes suspeitos de sonegação

A Receita Federal já identificou sete mil contribuintes que serão fiscalizados por sonegação no primeiro semestre de 2019. Entre os setores que estão na mira do Fisco este ano, figuram os de cigarros, bebidas e combustíveis. A previsão da Receita é recuperar R$ 164,96 bilhões em tributos.

“No caso do cigarro porque tem tributação alta e [com isso] há incentivo para o produto ilegal. Há evasão no setor de bebidas açucaradas, principalmente. E no setor de combustíveis, o biodiesel e o etanol”, disse o subsecretário de Fiscalização, Iágaro Jung Martins.

A Receita também continuará a atuar com foco nas operações especiais, como a Lava Jato, Zelotes e Calicute. Segundo o Fisco, no caso da Lava Jato há cerca de 650 ações fiscais ainda em curso.

De acordo com a Receita, desde 2012, quando foram iniciadas as fiscalizações, as atuações relacionadas à Lava Jato somam R$ 24 bilhões. Desse total, R$ 9,6 bilhões ingressaram nos cofres públicos ou foram parcelados.

“Há uma tendência de redução [nos lançamentos de tributos sonegados] porque a operação está se encerrando do ponto de vista tributário”, disse Martins.

Repatriação de recursos

A Receita Federal informou ainda que continuará a fiscalizar 25 mil contribuintes que aderiram ao programa de repatriação de recursos do exterior.

Por meio do programa, recursos não declarados eram regularizados com pagamento de 15% de multa e 15% de imposto devido.

Martins disse que estão sendo verificados se os contribuintes cumpriram os requisitos previstos no programa, como a origem lícita dos recursos, não ser político ou parente de político e não ser servidor público.

Neste ano, já foram identificadas 263 pessoas que deverão prestar esclarecimentos ao Fisco.

(Agência Brasil)

IPTU 2019 – Quarta parcela vence nesta quarta-feira

A quarta parcela do IPTU 2019 vence nesta quarta-feira,,8, informa a Secretaria de Finanças de Fortaleza que, em janeiro, enviou às residências o boleto contendo todos os códigos de barra para o pagamento parcelado. O Documento de Arrecadação Municipal também está disponível para consulta e impressão no site da Sefin (www.sefin.fortaleza.ce.gov.br), lembra a assessoria de imprensa do órgão. O boleto do IPTU pode ser pago em bancos e casas lotéricas, dentro do vencimento indicado no documento.

No site da Sefin, o contribuinte tem acesso aos principais serviços, informações e formulários relativos ao IPTU 2019. Outra facilidade oferecida pela página da Sefin aos cidadãos é o agendamento eletrônico. Pela página virtual da Secretaria, é possível agendar dia e hora para o atendimento de questões relacionadas ao IPTU ou a qualquer outro serviço oferecido pela Secretaria. Este atendimento diferenciado ocorre na sede da Sefin (Rua General Bezerril, 755 – Centro – entrada pela rua Monsenhor Luiz Rocha).

Caso o cidadão deseje um atendimento presencial, a SEFIN conta ainda com dez Núcleos de Acolhimento da Secretaria das Finanças, sendo nas seis Secretarias Regionais, das 9 às 15 horas; no Shopping Del Paseo, das 10 às 17h30min; no Grand Shopping Messejana, das 10 às 16 hpras; e nos Vapt-Vupt de Messejana e do Antônio Bezerra, das 8 às 17 horas. A descentralização do serviço busca proporcionar mais comodidade e acessibilidade ao cidadão.

Confira os locais para pagamento

*Secretaria Regional I

Rua Dom Jerônimo, 20 – Farias Brito

Telefone: (85) 3433.6898 / 3105.3739

*Secretaria Regional II

Rua Juraci de Oliveira, 01 – Edson Queiroz

Telefone: (85) 3241.4843

*Secretaria Regional III

Avenida Jovita Feitosa, 1264, na Parquelândia

Telefone: 3452.6384

&Secretaria Regional IV

Avenida Dr. Silas Munguba, 3770 – Serrinha

Telefone: (85) 3131.7706

*Secretaria Regional V

Rua Augusto dos Anjos, 2466 – Bom Sucesso

Telefone: (85) 3105.3081

*Secretaria Regional VI

Rua Padre Pedro de Alencar, 789 – Messejana – Fortaleza-CE

Telefone: (85) 3452.1812

*Vapt Vupt Messejana

Avenida Jornalista Tomaz Coelho, 408, Messejana. Ao lado do terminal de ônibus da Messejana. Horário de funcionamento: segunda esexta-feira, 8h às 17h. Telefone: (85) 3218.5238

*Vapt Vupt Antônio Bezerra

Rua: Demétrio de Menezes, 3750 – Antônio Bezerra (Ao lado do Terminal de ônibus).

Horário de funcionamento: Segunda a sexta-feira das 8h às 17h. Telefone: (85) 3207-1529

*NAC/SEFIN Del Paseo

Avenida Santos Dumont, 3131, Piso S1 – Aldeota – Fortaleza-CE. Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, 10h às 17h30.

Telefones: (85) 3456.3345

*NAC/SEFIN – Grand Shopping Messejana

Telefone: (85) 3488-2431

Avenida Frei Cirilo, nº 3840, 3º andar – Messejana – Fortaleza. Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, 10h às 16h.

*Sede da SEFIN

Entrada pela rua Monsenhor Luiz Rocha, em frente à Praça dos Voluntários. Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 8h às 16h30.

Governo e Senai vão ofertar 4 mil vagas para internos do sistema prisional cearense

Paulo André (Senai), secretário Mauro Albuquerque e o presidente da Fiec, Beto Studart.

Uma parceria entre o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Ceará) e a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) dará nova oportunidade de vida a pelo menos 50% dos cerca de oito mil internos condenados e que estão no sistema penitenciário do Estado.

Isso virá através do  programa Sou Capaz, cujo convênio foi assinado na manhã desta segunda-feira, devendo proporcionará 4 mil vagas para cursos profissionalizantes, um contingente nunca antes ofertado dentro de unidades prisionais cearenses.

“É o maior programa desse tipo do Brasil”, afirmou o diretor regional do Senai/Ceará, Paulo André Holanda, endossado pelo presidente da Fiec, Beto Studart, que participou da solenidade de assinatura. “Essa iniciativa é de suma importância para o Estado do Ceará, pois apenas a educação mudará a vida das pessoas”, reforçou o dirigente da federação das indústrias.

O secretário Mauro Albuquerque, também presente, comemorou: “Agora as pessoas vão sair com a possibilidade real de trabalhar. Daqui a quatro ou cinco anos vamos ver os resultados. Com certeza a reincidência vai cair.”

Oportunidades

As vagas são para cursos nas modalidades de Iniciação Profissional e Qualificação Profissional em diversos segmentos tecnológicos, fomentando a ressocialização e preparação dos alunos para o mercado de trabalho. Além disso, o projeto possibilitará a remissão da pena aos internos, bem como proporcionará uma mão de obra qualificada para realizar manutenções das unidades penais.

O atendimento é realizado nas instalações das unidades prisionais do Estado. O Senai/Ceará disponibilizará sua estrutura de docente, material didático, equipamentos, utensílios e insumos para a realização dos cursos. A oferta abrange os complexos penitenciários localizados nas cidades de: Itaitinga, Pacatuba, Sobral, Juazeiro do Norte e Aquiraz visando a inclusão social e produtiva dos internos do Sistema Penitenciário Estadual.

Dentre as ações destacam-se a oferta de cursos de iniciação e qualificação profissional que possuem adesão às necessidades do mercado de trabalho, tais como: Corte e Costura em Tecido Plano – 100h; Fabricação de Móveis de Madeira – 120h; Instalação e Manutenção de Ar Condicionado Split Hi Wall – 80h; Instalação Elétrica Predial – 80h; Instalação Hidráulica – 100h; Manutenção de Computadores – 120h; Manutenção de Edificações – 120h; Mecânica de Ciclo Otto – 80h; Serralheiro de Metais Ferrosos – 160h e Técnicas de Pintura de Obras – 60h.

Novas turmas

Atualmente, já foram iniciadas 16 turmas, com 320 vagas ofertadas, entre as unidades prisionais localizadas nos municípios de Aquiraz, Itaitinga e Pacatuba. Ao todo, o projeto prevê 183 turmas distribuídas entre os cursos, que somam um total de 3.680 vagas e um investimento de R$ 2.752.562,00. As outras 320 vagas foram disponibilizadas pelo SENAI Ceará na gratuidade.

(Foto – Fiec)

Apesar das pressões, relator diz que manterá o Coaf sob comando de Sergio Moro

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), relator da Medida Provisória (MP) que definiu a reorganização de ministérios do governo Bolsonaro, avisou: vai manter em seu relatório o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) sob a responsabilidade do Ministério da Justiça e Segurança Pública, onde Sergio Moro é o titular. Fez questão de dizer que fará isso, apesar de “pressões” de parlamentares do Centrão.

Líder do governo no Senado, Bezerra Coelho se reuniu com Moro na manhã desta segunda-feira 6 para tratar da MP, que caduca, isto é, perde sua validade, no início de junho. O senador aproveitou a ocasião para alertar o governo da necessidade de mobilização para “construir a maioria” na votação da matéria.

“Após ouvir os presidentes da Câmara e do Senado e o ministro Onyx Lorenzoni (Casa Civil), a gente vai manter o Coaf na Justiça em nosso relatório. Agora é evidente que precisa haver um trabalho de convencimento e mobilização para que o governo possa construir a maioria na votação dessa matéria, que certamente será destacada no plenário e na comissão”, disse o senador nesta manhã no Ministério da Justiça.

Ainda nesta segunda-feira, Bezerra Coelho terá uma reunião com Onyx e o líder do governo na Câmara, major Vitor Hugo (PSL-GO), para definir em quais pontos o governo poderá ceder. “Eu vim colocar o ministro a par das demandas, das pressões e das solicitações para que a gente possa construir maioria para aprovar o relatório”, afirmou o relator da MP.

O líder do governo no Senado admitiu que pode ser mais difícil a votação no plenário nas duas Casas Legislativas do que na comissão mista que analisa o tema. A intenção do senador é apresentar o relatório nesta terça-feira e colocá-lo em votação na comissão no dia seguinte. Se der certo, Coelho disse que combinou com Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara, para que a MP seja votada na próxima semana no plenário. Dessa forma, sobrariam duas semanas para análise e votação no Senado.

Há outras possíveis mudanças envolvendo o ministério da Justiça, mas a única que Moro faz questão de evitar é a perda do Coaf. O ministro, embora fosse contrário, já não oferece resistência à possibilidade de retorno da Fundação Nacional do Índio (Funai) ao Ministério da Justiça. Desde janeiro, o órgão está no Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

(Veja/Foto – Agência Brasil)

Domingos Neto pede reabertura de postos da Conab no Ceará

Domingos Filho, Newton Júnior e o deputado Domingos Neto.

O deputado federal Domingos Neto (PSD) e o ex-vice-governador do Ceará, Domingos Filho, foram recebidos em audiência, nesta segunda-feira, em Brasília, pelo presidente da Conab, Newton Júnior.

Na ocasião, os dois solicitaram a reabertura dos postos da Conab que estão fechados no Estado, entre eles o de Brejo Santo (Região do Cariri), bem como a necessidade de continuar abastecendo os postos da Companhia.

Para Domingos Neto, o O trabalho da Conab “é importantíssimo para os nossos agricultores, que podem ter acesso aos produtos com um preço melhor que o de mercado”, justificou. A direção do órgão prometeu dar resposta breve.

(Foto – Divulgação)

Justiça aceita denúncia contra Temer e seus ex-minstros

A Justiça Federal em Brasília aceitou hoje (6) denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF) contra o ex-presidente Michel Temer pelos crimes de organização criminosa e obstrução de Justiça. Os ex-ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco também fazem parte da denúncia. Com a decisão, todos passam à condição de réus no processo.

O MPF sustenta que Temer e parlamentares do PMDB participaram de um suposto esquema de corrupção envolvendo integrantes do partido na Câmara dos Deputados com objetivo de obter vantagens indevidas em órgãos da administração pública. Parte das acusações foi baseada nos depoimentos de delação de Joesley Batista e Ricardo Saud, ex-executivos do grupo J&F.

Em 2017, a denúncia foi apresentada ao Supremo Tribunal Federal (STF) pelo então procurador-geral da República, Rodrigo Janot. No entanto, o Congresso não concedeu o aval para prosseguimento da denúncia, que ficou suspensa até 1º de janeiro, quando Temer saiu da presidência e o caso foi enviado para a primeira instância da Justiça Federal.

Na denúncia, a defesa de Eliseu Padilha afirma que as acusações estão amparadas apenas em palavras dos delatores. Os advogados de Moreira Franco sustentam que o ex-ministro jamais participou de qualquer grupo para práticas de ilícitos. A defesa de Temer critica as delações e conduta de Janot à frente da investigação.

(Agência Brasil)

Mulher cearense trans assassinada em São Paulo deve ser enterrada em Pacatuba

O corpo de Larissa Rodrigues, uma transexual cearense de 21 anos, deve chegar à Capital no fim da tarde desta segunda-feira, segundo familiares. Já o enterro ocorrerá nesta terça-feira, no Cemitério Jardim do Éden, em Pacatuba (Região Metropolitana de Fortaleza).

Larissa foi assassinada, no último sábado à noite, a pauladas, no bairro da Saúde (Zona Nobre), em São Paulo. Ela morava na capital paulista há quatro anos.

Em entrevista ao site Ponte Jornalismo, Sorela Souza, amiga de infância de Larissa, informou que a jovem foi abordada com violência por um homem. Ele teria tentado atropelar Larissa. Como não conseguiu atingi-la, saiu do local e voltou na sequência armado com um pedaço de madeira. Atacada com golpes contínuos, a vítima ainda foi levada ao hospital, mas não resistiu.

Com o que ganhava trabalhando em São Paulo, Larissa ajudava a família no Ceará, mandando mensalmente dinheiro para a mãe.

Para a Ponte Jornalismo, a família de Larissa disse que o socorro demorou a chegar. Ela ainda estava viva quando foi levada ao hospital, onde veio a óbito.

O caso foi registrado como homicídio. O agressor fugiu.

(Também com O POVO Online e Rádio O POVO/CBN -Foto – Reprodução de Facebook)

Dia das Mães – Ceasa promove a Feira Flor e Artesanato

A Centrais de Abastecimento do Ceará (Ceasa) mantém a tradição.

Vem aí, de 9 a 11 deste mês de maio, das 7 às 14 horas, no entreposto de Maracanaú, a Feira Flor e Artesanato – Edição Dia das Mães. Nesta edição, 50 expositores, entre produtores e comerciantes de flores e artesãos dos municípios de Caucaia, Maracanaú, Redenção, Horizonte, Pacatuba, Eusébio, Maciço de Baturité e Aquiraz.

De acordo com a assessoria de imprensa da Ceasa, os preços dos produtos variarão de R$ 5,00 a R$ 150,00. Entre eles, flores e rosas de vaso e de corte, botões de rosas naturais embalados em papel celofane, plantas ornamentais, exóticas, arranjos, aromáticas, medicinais e orquídeas, além de trabalhos em crochê, bordado, bonecas de pano, arranjos, produtos em madeira e recicláveis. A entrada é gratuita.

SERVIÇO

Ceasa – Avenida Mendel Steinbruch, S/N. Pajuçara – Maracanaú/Ceará.

Mais Informações – (85) 3299.1701 / 3299.1237.

(Foto – Divulgação)

Sindiverde lança Prêmio de Jornalismo 2019

O Sindicato das Empresas de Reciclagem de Resíduos Sólidos Domésticos e Industriais do Ceará (Sindiverde) vai lançar prêmio de jornalismo, com objetivo de reconhecer as contribuições de jornalistas e veículos de comunicação social da Região Nordeste na divulgação de assuntos referentes à preservação ambiental e ao desenvolvimento sustentável.

A premiação virá em cinco categorias de trabalhos: mídia impressa (jornal/revista), radiojornalismo, telejornalismo, fotojornalismo e internet. A solenidade de entrega ocorrerá durante o encerramento da IX Exporecicla 2019, com a entrega de certificados, troféus e prêmio em dinheiro ao primeiro colocado em cada uma das cinco categorias. Os valores são R$ 2.000,00 (dois mil reais) para cada primeiro lugar.

A Exporecicla – Logística Reversa e Sustentabilidade ocorrerá de 13 a 15 de junho, no Centro de Eventos. Estreará com calendário internacional, com a presença do secretário de estado do Ambiente de Portugal, Carlos Martins. A expectativa é que 3 mil pessoas visitem a feira, que reunirá cerca de 70 expositores.

SERVIÇO

*O regulamento completo do Prêmio Exporecicla 2019 – Sustentabilidade e Logística de Jornalismo Ambiental pode ser conferido no site www.sindiverdece.com.br e/ouwww.exporecicla.com.br.

Dia das Mães – Handara projeta 10% de incremento nas vendas

Lúcio Albuquerque (C) é só otimismo.

Com a proximidade do Dia das Mães, um dado importante anima o comércio: 33,3% dos fortalezenses devem presentear as mamães com artigos de vestuário, de acordo com pesquisa divulgada pela Fecomércio do Ceará.

Para o grupo cearense Handara, a data é muito significativa. A projeção é de que a marca aumente em 10% o volume de peças comercializadas em relação ao ano passado.

“Historicamente, o Dia das Mães é uma data muito importante para o comércio do Ceará e do País, perdendo apenas para o Natal. Para nós, não é diferente. A mulher gosta de ganhar e de comprar roupas para si”, afirma o CEO da Handara, Lúcio Albuquerque.

O empresário explica por qual motivo os artigos de vestuário estão sempre em evidência. “A roupa nunca vai sair de moda. Nesse sentido, aumentamos a produção de peças para abastecer as lojas. Um dos nossos jeans, por exemplo, veste três numerações diferentes. É a Magic Size”, ressalta.

(Foto – Divulgação)

Por impeachment no STF

138 1

No dia 23 de abril o senador Alessandro Vieira protocolou pedido de impeachment dos ministros Dias Toffoli e Alexandre de Moraes por graves abusos de poder perpetrados em março e abril. Os fatos tiveram origem na Portaria nº 69, de 14 de março, do ministro Dias Toffoli. Ilegal, a portaria serviu de moldura para violações à liberdade de imprensa e de opinião a críticos ao presidente da Corte e ao STF.

Toffoli usou o artigo 43 do Regimento Interno da Suprema Corte para instaurar o “inquérito”. A norma dispõe que “ocorrendo infração à lei penal na sede ou dependência do Tribunal, o Presidente instaurará inquérito, se envolver autoridade ou pessoa sujeita à sua jurisdição, ou delegará esta atribuição a outro Ministro”. Ora, o dispositivo é exclusivo para atos praticados no recinto do STF e em face de pessoas sujeitas à jurisdição imediata da Corte. Mas, com base nisso violaram-se os direitos da revista Crusoé, de O Antagonista e de cidadãos que foram alvos com mandados de busca e apreensão. Um festival de abusos por parte daqueles que deveriam ser guardiães dos direitos fundamentais.

Nesse sentido, o impeachment também se revela como instrumento para a defesa da democracia em face de usurpação de poder por quem ocupa cargo na cúpula do Judiciário uma vez que, para efeitos práticos, não sofre ação dos órgãos de controle respectivos, estando imunizado interna corporis pelo poder que possui.

No caso, o impedimento seria resposta a abuso gravíssimo perpetrado por quem se presumia ter “notável saber jurídico” e “reputação ilibada”, requisitos não apenas de entrada, mas de permanência no STF. Afinal, não faria sentido a requisição de atributos de acesso à Corte, para depois serem descartados no exercício do cargo.

As atitudes de Toffoli e Moraes são de flagrante manipulação do aparato judicial para inibir e intimidar quem incomoda com a crítica, apropriando-se do poder de Estado para fins pessoais menores. Se suspeitavam de crime, deveriam buscar os procedimentos previstos na Constituição Federal. Preferiram atropelar a ordem constitucional e direitos e garantias fundamentais. O crime de responsabilidade se configurou. Não há arrependimento que o apague. Resta maculada a carreira de ambos pela imperícia jurídica e ausência da moralidade exigidos pela posição.

*Antonio Jorge Pereira Junior,

Doutor e mestre em Direitor – USP e professor do Programa de Mestrado e Doutorado em Direito da Unifor.

(Foto – STF)