PIB do Ceará cresce 2,79% no terceiro trimestre de 2017 e supera o PIB do País

Flávio Ataliba preside o Ipece.

O Produto Interno Bruto (PIB) do Ceará no terceiro trimestre deste ano atingiu 2,79 por cento em relação a igual período do ano passado. No acumulado ficou em 1,36 por cento, superando os índices obtidos pelo Brasil, que ficaram em 1,4 por cento e 0,6 por cento no terceiro trimestre deste ano e no acumulado, respectivamente. Já o PIB cearense acumulado nos últimos quatro trimestres é negativo: -0,31 por cento.

Os números do PIB foram divulgados, nesta quinta-feira, pelo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), órgão vinculado à Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) do Governo do Estado, por meio de sua assessoria de imprensa.

Dentre os três setores que compõem o PIB – que representa a soma (em valores monetários) de todos os bens e serviços finais produzidos pelo Ceará em um determinado período, o Agropecuária obteve melhor desempenho, com 24,38 por cento no terceiro trimestre deste ano em relação a igual período de 2016, muito embora tenha peso, na elaboração do Índice, de apenas 4,49 por cento. O Serviço apresentou desempenho de 1,91 por cento (com maior dos pesos: 75,95 por cento), enquanto a Indústria ficou com 0,38 por cento (peso de 19,56 por cento).

Das atividades que compõem o setor Indústria, a de Transformação foi que apresentou melhor desempenho no terceiro trimestre de 2017, com 3,05 por cento, seguida por Eletricidade, Gás e Agua (Siup), com 1,20 por cento; Construção Civil com, -1,75 por cento e a Extrativa Mineral, com queda de -20,89 por cento. Já no setor de Serviços, o segmento do Comércio obteve índice de 6,65 por cento, seguido por Intermediação financeira, com 2,37 por cento; Transporte, com 0,20 por cento; outros serviços, com -1,82 por cento; Alojamento e Alimentação, com -0,23 por cento, e Administração Pública, com -0,27 por cento.

De acordo com Nicolino Trompieri, analista de Políticas Publicas do Ipece, o crescimento do PIB do terceiro trimestre de 2017 com relação ao mesmo período de 2016, fortalece o movimento de recuperação da economia cearense iniciado no segundo trimestre de 2017. “Essa recuperação vem sendo puxada pelas atividades da indústria de transformação e do comércio, bem como a agropecuária, que foi beneficiada por uma quadra chuvosa de 2017 dentro da média histórica”- ressalta.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete − 3 =