Praça Portugal dá lugar a cruzamento e a quatro novos espaços de lazer

foto pça portugal projeto

As obras do Plano de Ações Imediatas em Transporte e Trânsito de Fortaleza (Paitt) serão realizadas em duas fases e vão contar com a implantação de binário nas avenidas Santos Dumont e Dom Luís, e a transformação da Praça Portugal em um cruzamento.

As mudanças foram apresentadas pelo prefeito Roberto Cláudio (Pros) na tarde desta sexta-feira (7) em entrevista coletiva à imprensa.

A primeira etapa das obras vai contar com implantação do sentido único na Santos Dumont (que passará a ser mão única no sentido Centro/praia a partir da rua Tibúrcio Cavalcante) e na Dom Luís, sentido inverso. As vias terão faixa preferencial de ônibus e ciclofaixa.

O prazo de entrega da primeira etapa é 31 de maio, quando da inauguração do túnel da Santos Dumont sob a Via Expressa pela qual passará o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

Com a adoção do cruzamento, a Prefeitura desiste de implantar túnel no local, ideia anteriormente pensada.

Já na próxima segunda-feira, 10, começam as obras para retirada do canteiro central na avenida Dom Luís. Além disso, 202 árvores dos canteiros das duas avenidas serão transplantadas para o passeio das vias e outras, como as avenidas Paulino Rocha e Presidente Juscelino Kubitschek.

Praça Portugal

Com a intervenção, a Praça Portugal será dividida em quatro partes, formando as “Praças de Portugal”. Elas serão criadas nas esquinas do cruzamento.

Ação “emergencial”

O Paitt, que foi anunciado em dezembro do ano passado pela Prefeitura de Fortaleza, é considerado uma “ação emergencial” para melhorar os principais problemas do trânsito da Capital.

O secretário-executivo da SCSP e coordenador do Paitt, Luís Alberto Sabóia, explica que o Plano prevê ações a serem executadas até o fim de 2014.

Nos próximos meses, os projetos-piloto começam a ser implementados com a utilização de um novo modelo para binários no trânsito de Fortaleza, tomando como referência, por exemplo, as avenidas Santos Dumont e Dom Luís.

(O POVO Online)

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

13 comentários sobre “Praça Portugal dá lugar a cruzamento e a quatro novos espaços de lazer

  1. Apesar do projeto arquitetônico/maquete parecer interessante e bonito na imagem/foto, na prática não creio que fatiar a Praça Portugal em 4 mini-Praças Portugal será a melhor solução. Primeiro, o alto investimento a ser dispendido; 2º, que se vai criar mais um cruzamento muito movimentado (com mais semáforos para segurar o trânsito) e altamente perigoso para os motoristas, veículos e pedestres/pessoas que estarão nessas pequenas 4 praças (um avanço de sinal, por exemplo, poderá trazer consequência seríssimas e machucar muita gente); 3º, nada vai mudar na melhoria do fluxo para os veículos particulares e de aluguel/táxi, pois o espaço/largura da via praticamente continuará a mesma, salvos para o transporte coletivo e os ciclistas, em face da faixa exclusiva de ônibus e da ciclovia/ciclofaixa.
    Parece que o fortalezense ainda não se acostumou com a rotatória. É um caso a ser pensado e repensado.
    Só não entendi que são obras emergenciais para “melhorar” a mobilidade urbana, mas se pretende fazer uma obra permanente/definitiva.
    Se for para prestigiar o transporte público e ciclovias, o projeto será valido. Mas, se a intenção for também melhorar o fluxo dos veículos particulares e de aluguel (grande maioria dos mais de 900.000 veículos), isso não vai ter com esse projeto. Quem viver, verá.

  2. concordo em muitas coisas com o comentário acima , na verdade para caracterizar RDC-Regime Diferenciado de contratação, que evita a licitação com concorrência, é isso, simples assim pra burlar a legislação e a lei de licitações se for o caso, Obras emergenciais !!? a SEUMA, a secretaria de planejamento é continuo e definitivo o trabalho de planejamento de uma cidade, houve algum furação, tempestade ou algum acidente da natureza pra essa obra ser emergencial? Ministério Público estadual investigue isso, é salutar pra toda a sociedade Cearense.

  3. BOM DIA, ELIOMAR :
    À AVENIDA LESTE-OESTE, QUE COMEÇA NO BAIRRO, BARRA DO CEARÁ E QUE VAI ATÉ EM FRENTE AO CENTRO PLANETÁRIO DRAGÃO DO MAR ARTE E CULTURA, ESTÁ FALTANDO SER CONSTRUÍDA, UMA CICLOVIA; À PREFEITURA CONSTRUIU À AVENIDA, MAS ESQUECEU DE FAZER À CICLOVIA. INFELIZMENTE: POR FAVOR ELIOMAR, DIVULGA ESSA INFORMAÇÃO POIS, OS MORADORES CICLISTAS DE TODOS OS BAIRROS PRÓXIMOS QUE FICAM NAS PROXIMIDADES DA AVENIDA LESTE-OESTE PRECISAM MUITO DE UMA CICLOVIA. A CICLOVIA, É MUITO MELHOR DO QUE À CICLOFAIXA, EXISTE À DIFERENÇA ENTRE À CICLOVIA E CICLOFAIXA, À CICLOVIA É A MELHOR.É A QUE TODOS OS CICLISTAS PREFEREM,PORQUÊ É A QUE OFERECE MAIS SEGURANÇA PARA OS CICLISTAS NO TRÂNSITO.
    OBRIGADO PELA ATENÇÃO.
    ADRIANO PROLE
    TÉCNICO DE IMOBILIZAÇÃO ORTOPÉDICA EM TRAUMATOLOGIA, NA ÁREA DA SAÚDE.

  4. Eliomar,
    É triste dizer isso, mas parece que Fortaleza passou direto da inoperância para a insanidade.
    A administração petista em oito anos muito pouco realizou no quesito mobilidade.
    A atual turma começou 2013 trazendo grandes esperanças. Iniciaram muitas obras que já deveriam estar em funcionamento, quebraram aqui e acolá. Na Copa da Confederações, 6 meses após a posse, era possível dizer “agora Fortaleza vai”.
    Terminou aquele evento internacional e mergulhamos no descaso similar ao que marcou a administração Luizianne.
    Nove meses após a Copa das Confederações e faltando apenas 3 meses para a Copa do Mundo, nada mais foi entregue. Só temos tido dissabores, desencontros, trânsito parado, etc.
    Então, de repente, não mais que de repente, parece que o Prefeito acordou de porre e diz numa sexta feira que na segunda seguinte estará destruindo as duas principais avenidas da Aldeota.
    Não houve discussão, não ouve contraponto, nada. Decisão tomada, passa o trator, arranca as árvores e, tchan, tchan, tchan, teremos mais duas Bezerras de Menezes, aviltadas, com comércio destruído e, seguramente, com o trânsito lento.
    É um absurdo que uma capital do porte de Fortaleza ainda tenha que conviver com coisas estúpidas como essa. Como diz Gomes Farias: “é desencorajador”.

    Se o problema for dinheiro, senhores, digam que eu irei defender o “seu direito” junto à Câmara, pois esta é o tipo da obra que se encaixa nos comentários do ex-ministro Mário Henrique Simonsen: “há obras que é melhor pagar a comissão do que fazer a obra”.

    Onde é que estão distribuindo as camisetas e as bandeiras?

  5. Sentados em mesa ao meu lado, alguns empresários discutiam hoje, durante o almoço em um restaurante próximo à Praça Portugal, a notícia em tela. Embalados pelos destilados, os ânimos estavam enriquecidos, as vaidades afloravam e as conversas eram facilmente captadas pelas mesas em torno. Repassamos ao seleto público deste prestigiado Blog um dos pontos principais da conversa que se resumia na privatização das 4 pracinhas com a construção de estacionamentos subterrâneos (bem pagos, é claro!); e a criação de quiosques e cafés (a la Paris) com mesinhas ocupando quase toda a área das praças, reservando apenas três metros para os pedestres. Como sabemos que essa gente conversa muito com os governantes de plantão e se antecipam aos acontecimentos, consideramos factíveis as citadas previsões.

  6. Coitada da nossa Fortaleza. Estão fatiando-a. Pracinha perto de um cruzamento….um perigo para os pedestres. As arvores retiradas da Av. Dom Luiz serão replantadas em outros lugares….Fazem me rir. Arvores de raízes profundas, velhas….não dá. Além do mais , não existem fiscalizações para isso.
    Promessas!!!!!!!!!!!!!

  7. É impressionante como as pessoas no poder perdem a noção da transitoriedade do cargo e passam a tomar decisões importantes para a vida da população sem consulta popular, debates públicos, enfim coisa alguma que denote respeito pelo povo. Povo que as elegeu, povo que habita no lugar e que será diretamente afetado… Se é para dizer que uma cidade “tem dono” certamente esse “dono” jamais poderá ser um de seus governantes, que a cada nova eleição se alterna no poder e que deveria tomar CONSCIÊNCIA de seu papel como SERVIDOR público. CONSCIÊNCIA de que a única coisa certa quando alguém toma posse de um cargo público é a data de entrega desse cargo…

  8. Praça Portugual, Criar cruzamento numa cidade do porte de Fortaleza, não trará melhora nenhuma para a mobilidade urbana, irão jogar dinheiro na lata do lixo. Um túnel sim, seria o mais adequado.

  9. Isso é um projeto deveras estupido, qual a necessidade de fazer mudancas nesta praca, algo historico que sim dever ser preservado, O povo brasileiro é tao estupido por modernidade que cava once nao tem> Certamente a prefeitura esta inudada de dinheiro para tanto. Um projeto que gastara milhoes, onde ha tantas familias necessitando de moradia, e ruas inudando qndo chove, deveria sim usar este dinheiro num sistema de drenagem eficiente, calcar ruas com piso descente e duradoura, ou mesmo asfaltar , fazer calcadas para os pedestres , aumentar a plantacao de arvores para filtrar o ar poluido por milhoes de carros, e trazer sombras e ar fresco para os pedestres. Colocar sinais eletronicos para os pedestres em todos os cruzamentos, para encorajar as pessoas a andarem a pé , uma cois que odeio qndo estou em Fortaleza a impossibilidade de se atravessar uma rua , o pedestre nao conta so os motoristas.

  10. Corajosa a dona Solange, já imaginou atravessar a rua para passear na praça Portugal? Ou dar uma voltinha pela Desembargador Moreira às 18h? As pessoas criticam os carros mas quais aqueles que não tem um possante na garagem? Andariam de bicicleta ou de ônibus?

  11. O trânsito não anda naquele local, e nem o pedestre literalmente. Alguma ação teria de ser executada. Agora, se durante a gestão da Luiziane, não se projetou Fortaleza como uma urbe, paciência, os outros têm que fazê-lo

  12. A sociedade organizada, OAB, CREA, IAB, os órgãos de controle, MP, TCM, CMF, têm de permanecer vigilantes, “ficar espertos”. Aí pode ter mais coisa por trás (ou por baixo)! Há essa conversa da PPP; existe especulação sobre os estacionamentos subterrâneos; há imóveis sendo negociados em dois cantos da Praça (a preços vultosos); falam também em obra emergencial para permitir dispensa de licitação; … OLHO VIVO! Neste caso, deve ser primordial a TRANSPARÊNCIA pública e o CONTROLE SOCIAL.

  13. ODEIO ESSE PRJETOMALDITO NDVMP DERRUBAR ESSA PACINHA LINDA E FAZER PORCARIASDEE BINARIOS ISSO É UMA VERGONHA E AINDA MEXER NA ROTA DOS ONIBUS QEU DEIXAMDEPASSAR PELA DOM LUIS PRA PASSAREM PELA AQUELA MEDICORE SANTOS DUMNT ISSO É UMA PORCARIA MESMO MEUPOVO NDVMP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis − sete =