Presidente da Câmara Municipal dirá “não” ao reajuste dos vereadores

O presidente da Câmara Municipal, Acrísio Sena (PT), dará coletiva às 9h30min da próxima segunda-feira. Em seu gabinete de trabalho, ele falará sobre o reajuste salarial dos vereadores, que virou polêmica.

Acrísio deverá anunciar que rejeita essa proposta, por ser inconstitucional. Para chegar a essa conclusão, o vereador recomendou estudos por parte de sua assessoria jurídica, ouviu o Tribunal de Contas dos Municípios – que é contra o aumento e também uma posição da Procuradoria Geral do Município.

O reajuste só poderia valer par uma nova legislatura, de acordo com a orientação jurídica. Acrísio rejeitará o aumento que elevaria o salário dos vereadores de R$ 9 mil para R$ 15 mil, evitando iniciar sua gestão sofrendo tremendo desgaste, adiantam seus assessores.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

Um comentário sobre “Presidente da Câmara Municipal dirá “não” ao reajuste dos vereadores

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − treze =