Caso VDP da Câmara – Presos obtêm liminar e são liberados

O ministro Nefi Cordeiro, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), concedeu duas liminares que libertam da prisão o ex-diretor da Verba de Desempenho Parlamentar (VDP) na Câmara Municipal de Fortaleza, Francisco Elias dos Santos Salomão, e o proprietário da AJ Serviços e Suprimentos de Informática Ltda., antiga franqueada dos Correios, Antônio José Monteiro Cunha.

O primeiro ganhou liberdade no dia 11 desde mês, e o segundo no dia 13. Os dois estavam presos desde o dia 8 de outubro. As prisões foram realizadas em operação coordenada pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), no início do mês passado.

A principal suspeita dos investigadores é de supostos desvios de recursos envolvendo a VDP na Câmara Municipal. A ação é um desdobramento das investigações que já resultaram em denúncias contra os ex-vereadores Antônio Farias de Sousa, o “A Onde É”, e Leonel Alencar Júnior, o “Leonelzinho Alencar”.

De acordo com a decisão do ministro, a “ausência de fundamentação” nos motivos que levaram a prisão dos dois investigados podem tornar as prisões indevidas. O advogado Rafael Alcântara, que impetrou o pedido de habeas corpus, classificou a prisão como “ilegal, absurda e indevida”.

O POVO entrou em contato com o coordenador das investigações do caso VDP, o promotor de Justiça Marcus Amorim, da 18ª Vara, para comentar a decisão do STJ. Amorim optou, no entanto, por ainda não comentar sobre o assunto, pois ainda não havia sido comunicado da decisão do ministro Nefi Cordeiro.

Entenda o Caso

O ex-chefe da verba de Desempenho Parlamentar (VDP) da Câmara Municipal de Fortaleza, Francisco Elias Santos Salomão, foi preso na manhã do dia 8 de outubro em operação coordenada pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MP-CE).

Na semana seguinte, novos depoimentos sobre o desvio de Verba de Desempenho Parlamentar (VDP) da Câmara Municipal de Fortaleza foram ouvidos na Procuradoria de Crimes contra a Administração Pública (Procap).

Responsáveis pela nomeação da chefia da VDP, ex-presidentes da Câmara Municipal de Fortaleza, consultados pelo O POVO, admitem não saber da procedência de quem ocupa cargos de confiança na Casa.

MPCE convoca todos os 43 vereadores DE Fortaleza para depor como declarantes na investigação em curso da VDP. O presidente da CMF, Salmito Filho (PDT),faz questionamentos sobre o método de trabalho de investigação do MPCE.

(O POVO)

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 − dez =