Projeto quer regras mais rígidas para venda de animais em pet shop de Fortaleza

caooo

Um projeto de lei de autoria da vereadora Toinha Rocha (PSOL) quer regras mais rígidas para a comercialização de cães, gatos e outros animais domésticos em pet shop e demais estabelecimentos localizados em Fortaleza. A proposta estipula que a venda só será permitida apenas por locais com alvará expedido por órgão adequado e que respeite regras da Vigilância Sanitária Municipal.

Caso a matéria seja aprovada, ficarão autorizados para a venda de animais os canis e gatis, bem como criatórios específicos para outras espécies (porquinhos da índia, hamsters, chinchilas e gerbil). Toinha quer “descaracterizar” animais como produtos ou mercadorias, reconhecendo-os “como seres vivos merecedores de tratamento adequado”,

Pela proposta, ambientes de criação de animais terão que estar atentos ao bem-estar do animal e garantir atendimento às suas necessidades físicas, mentais e naturais. Texto da proposta critica pet shop’s e outras casas de comércio, que “expõem cães, gatos, coelhos, aves e outros animais em gaiolas minúsculas, nas vitrines”. O vereador João Alfredo (PSOL) subscreve a matéria.

(Com O POVO Online)

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − catorze =