Salmito diz que ‘judicialização’ da política é ruim para a democracia

foto salmito 150106 cmfor

Para o presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), um poder não deve interferir no outro, diante do dano à democracia. “A judicialização da política é muito ruim para a democracia. Quem transforma uma realidade para melhor não é o Poder Judiciário, mas a política”, afirmou o presidente do Legislativo de Fortaleza, nesta quarta-feira (11), ao apontar as últimas interferências a nível nacional do Judiciário no Poder Executivo. Salmito ressaltou ainda que a judicialização da política extrapola a apuração de crimes de corrupção por parte de políticos.

Sobre o futuro do país, em um eventual governo Temer, Salmito afirmou que o PDT manterá a sua política de um projeto para o Brasil de hoje e de amanhã e que os irmãos Ciro Gomes e Cid Gomes ultrapassaram a cultura de cargos, pois o próprio Ciro recusou convite para ministério no governo Dilma.

As declarações do presidente do Legislativo de Fortaleza foram feitas durante entrevista coletiva na entrega do Plano Fortaleza 2040, de iniciativa da Prefeitura de Fortaleza, por meio do Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor).

“É um projeto para a cidade, uma política para além dos partidos, coligações e Governo, e que deverá ser institucionalizada como uma ferramenta de planejamento, tendo como exemplo o Plano Plurianual”, comentou Salmito, ao parabenizar o prefeito Roberto Cláudio e o presidente do Iplanfor, Eudoro Santana.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + 4 =