Servidores do SAMU em estado de greve

Os servidores do SAMUestão em estado de greve aguardando o cumprimento das propostas feitas pela Prefeitura, por ocasião de reunião da negociação realizada no último dia 31. Entre as principais reivindicações da categoria, está o pagamento dos adicionais de produtividade e dos plantões extras, que estavam com atraso de três meses. Tabém, a implantação da Gratificação de Especial de Produtividade (GED) Variável, o fim da terceirização com concurso público e melhores condições de trabalho.

Segundo lideranças do Sindifort, o sindicato dos servidores públicos de Fortaleza, o pessoal do SAMU já recebeu um dos plantões extras em atraso e a produtividade referente a novembro de2010. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), representantes da Prefeitura e coordenação do SAMU discutiram na segunda-feira uma proposta de negociação com os servidores. O diálogo continua e espera-se que haja acordo. O trabalho do SAMU é indispensável.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

Um comentário sobre “Servidores do SAMU em estado de greve

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − quatro =