TCM em clima de despedidas

O clima já é de despedidas no Tribunal de Contas dos Municípios. Nesta terça-feira, vários conselheiros agradeceram o apoio dos servidores que, mesmo sob o estigma da extinção do órgão, continuaram trabalhando.

Pedro Ângelo, por exemplo, agradeceu a categoria pela dedicação com que cumpriu obrigações.

Nesta terça-feira à tarde, o legislativo estadual votará, em segundo turno, a emenda que extingue o Tribunal de Contas dos Municípios. A justificativa oficial é a de que reduzirá gastos, já que existe o Tribunal de Contas do Estado.

 

 

Desde o final de 2016 que a novela em torno da extinção do TCM evolui em seus capítulos. Em dezembro, a Casa aprovou a PEC de autoria de Heitor Férrer (PSB) extinguindo o tribunal, no que a cúpula recorreu e obteve da presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, sobrevida.

Veio então a apresentação de nova emenda, também de Heitor Férrer, que já obteve aprovação em primeiro turno em julho último.

Mas o origem política dessa novela começou quando o grupo do atual presidente do TCM, Domingos Filho, apresentou Sérgio Aguiar (PDT) como candidato a presidente da Assembleia para enfrentar Zezinho Albuquerque, apoiado pelo governador Camilo Santana (PT) e os Ferreira Gomes. Zezinho obteve a reeleição e veio a “perseguição política”, segundo Domingos Filho, contra seu grupo.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 5 =