Temer recebe Camilo Santana e avalia possibilidade de liberar verbas para a estiagem

Camilo-e-Temer

No flash, primeiro encontro de Camilo com Temer, em junho, sobre dividas estaduais.

“O presidente interino, Michel Temer, fará uma consulta ao Tribunal de Contas da União (TCU) para saber se pode editar uma proposição liberando dinheiro para despesas emergenciais necessárias para combater a seca no Nordeste. Ele tomou a decisão após se encontrar com o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), que veio pedir apoio para o problema de estiagem no estado.

O objetivo da consulta é evitar que o presidente seja acusado de editar decretos de crédito suplementar, como ocorreu com a presidente Dilma Rousseff, e que fazem parte do pedido de impeachment que tramita contra ela no Senado Federal. Temer quer saber se pode editar uma medida provisória de relevância e urgência para liberar crédito extraordinário ou se deve liberar os valores de outra maneira.

De acordo com o Palácio do Planalto, o governador esteve com Temer para explicar os programas necessários para garantir segurança hídrica ao estado nesta que é a pior seca dos últimos anos. Sem mencionar o montante, Camilo Santana pediu verba para a abertura de poços artesianos e contratação de carros-pipa.

A equipe econômica do governo também será acionada, assim como o Ministério da Integração Nacional, para saber a origem e por meio de qual orçamento os valores poderão ser liberados.”

(Agência Brasil/Foto Arquivo)

VAMOS NÓS – Pegou mal a assessoria do governador ter omitido a audiência que ele teria com o presidente em exercício Michelo Temer. Primeiro, porque Camilo sempre se define como um republicano; segundo, porque Camilo foi apelar em nome da seca.

VAMOS NÓS  2–  A Chefia de Gabinete do Governador informou agora há pouco que a agenda havia sido atualizada. Não havia confirmação do encontro de Camilo com Temer, o que acabou sendo possível horas depois. Reparo feito. E sem “sacanagem”.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

4 comentários sobre “Temer recebe Camilo Santana e avalia possibilidade de liberar verbas para a estiagem

  1. O governo Temer não pode prejudicar o Ceará porque o governador é do PT. Ele é o governador dos cearenses e é um político do diálogo.

  2. Está correta a atitude do governador em procurar institucionalmente o presidente da República para solução de problemas do estado, independentemente da posição dos seus padrinhos políticos locais que só causam empecilhos a qualquer aproximação entre os dois níveis de governo.
    Custa crer, no entanto, que no quinto ano de seca o governador chegue ao Palácio do Planalto sem um projeto pronto e acabado, com custos, metas e prazos, bem como possíveis fontes de financiamento. É inacreditável, pois até ontem ele circulava livremente em todos os gabinetes do governo petista e ele e sua equipe deveriam saber de onde tirar os recursos necessários ao que está pleiteando. Isso é primário para quem lida de verdade com a administração pública. A ser verdade a notícia, é pra sentar e chorar imaginando o que restará do Ceará no fim do mandato do governador Camilo. A incompetência parece mesmo ser congênita ao PT.

  3. Político do diálogo? Só se for entre ele e os “pariceiros”. Cadê diálogo com categorias estaduais, como os professores, em greve há mais de dois meses?!

  4. Camilo representa todos os Cearenses, institucionalmente, ele deverá ir quantas vezes for necessário, pois o povo do interior cearense e logo logo da Capital clamará por água…Não podemos ficar de braços cruzados, na vida jogamos os jogos com as cartas que temos…..

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + dezenove =